Conheça os principais tipos de dores nas costas
Conheça os principais tipos de dores nas costas

“Emília, 35 anos, servidora pública. Ela vem sofrendo com as dores nas costas há certo tempo e tem notado que nem sempre são os mesmos lugares que estão doloridos (às vezes o desconforto ocorre na região lombar; em outros dias é sua coluna cervical que começa a doer). Além de ser bem desconfortável, essa oscilação nas regiões afetadas pela dor ainda deixa Emília um pouco confusa, pois quando ela finalmente consegue se livrar da dor em um local, ela aparece em outro.”

Esta história te lembra das terríveis dores nas costas, não é mesmo?

Aquela sensação de desconforto na região das costas, realmente, é muito ruim e afeta milhões de pessoas. Pode-se dizer que, praticamente, todo mundo sofrerá com dores nas costas ao menos uma vez na vida. Mas sabia que existem vários “tipos” de dores nas costas? E não, esse não é um defeito da sua coluna. Todos estão propensos a experimentar diferentes tipos de desconforto nesta região!

De acordo com a OMS, 80% da população sofrerá com as dores nas costas ao longo de suas vidas. Um número muito alarmante, mas não há motivo para se desesperar, pois estudos apontam que a causa das dores nas costas é decorrente de hábitos ruins, como má postura e estresse. Felizmente, hábitos como esse podem ser evitados, diminuindo o seu risco de desenvolver algum desconforto.

Tipos de dores nas costas

Agora veja abaixo uma lista com os principais tipos de dores nas costas, quem sabe você se identifica com algum caso:

Lombalgia

Afeta a região lombar, a mais baixa da coluna, acima do quadril. É conhecida em muitos lugares como “dor nos quartos”. Não chega a ser uma doença, e sim um tipo de dor que pode ter várias origens sendo a hérnia de disco e a falta de fortalecimento muscular (que gera a sobrecarga de peso na região) as causas mais comuns.

Leia também: Dor na coluna- Como o pilates pode me ajudar?

Na maior parte dos casos, a lombalgia não é grave. Mas causa desconforto ao andar, sentar, fazer exercícios ou após muitas horas em pé. Uma simples visita ao ortopedista é o suficiente para diagnosticar o problema. Entretanto, o médico pode precisar de uma radiografia para a confirmação da análise.

Dor nas costas- Lombalgia

Dor nas costas- Lombalgia

Um estudo feito pela Associação Internacional para Estudo da Dor (IASP, sigla em inglês) mediu o grau de dores, dando nota de 0 a 10. A lombalgia aguda, causada por uma lesão na hérnia de disco, ficou entre as doenças que receberam nota entre 9 e 10, juntamente com cólica biliar, dor do parto e cólica renal.

Cervicalgia

Ela afeta a coluna cervical (parte superior das costas e nuca). As principais causas da dor são: Má postura ao ler, usar o computador e dormir, além da contração muscular devido a momentos de tensão.

Cervicalgia- Tipos de dores nas costas

Cervicalgia- Tipos de dores nas costas

O sintoma mais comum é o desconforto ao mover o pescoço e os ombros. A cervicalgia também não pode ser classificada como uma doença e sim uma dor que pode se tornar crônica. O diagnóstico é feito por meio de um exame de raio-x ou uma conversa com o ortopedista, relatando os sintomas.

Torcicolo

Ele não é, exatamente, uma dor nas costas, mas também gera muito incomodo. O torcicolo é uma contratura muscular, ou seja, um “mau jeito” na região do pescoço fazendo com que a cabeça entorte para o lado contrário do lesionado. Existem varias formas de “contrair” esse problema, como por exemplo: dormir em uma posição ruim, fazer esforço exagerado na academia, ou realizar um simples movimento brusco.

Torcicolo também é um tipo de dor nas costas

Torcicolo também é um tipo de dor nas costas

Para reverter o quadro é preciso ter paciência. Repouso e compressas quentes ajudam. Mas a região só volta ao normal depois de dois ou três dias. A melhor forma de fugir do torcicolo é realizar alongamentos diariamente.

Lordose e escoliose

A presença desses problemas não representa uma doença necessariamente, e sim uma curvatura anormal na coluna. Tal alteração pode ou não refletir em dores nas costas, mas, na maioria das vezes, o desconforto é causado pelas consequências que essa curvatura causa nas vértebras, discos e articulações.

Como evitar as dores nas costas

Existem algumas dicas para evitar as dores nas costas- e que você pode começar a fazer hoje mesmo:

  • Tente emagrecer se estiver acima do peso ideal;
  • Evite o stress;
  • No trabalho tenha cuidado para não forçar as costas e nem ficar numa má postura;
  • Manter ou aumentar a flexibilidade dos músculos das costas, e de todo do corpo através de exercícios físicos;
  • Não carregue objetos muito pesados;
  • Não abuse do salto alto;
  • Evite ficar em pé por longos períodos de tempo. Se for necessário para o seu trabalho, tente usar um banquinho. Alterne descansando cada pé sobre ele;
  • Faça exercícios como andar de bicicleta, esteira, pilates, ou qualquer outra atividade física que goste no mínimo 3 vezes por semana;
  • No trabalho, especialmente se estiver usando um computador, certifique-se de se sentar com as costas retas. Use um banquinho embaixo de seus pés, de modo que seus joelhos não fiquem mais altos ou baixos que seus quadris.

Pilates: uma excelente opção para a prevenção e tratamento de dores na região das costas

Você, provavelmente, se identificou com um ou mais casos de dores nas costas. Felizmente, existem algumas formas muito eficazes de tratar esse desconforto. E para sua alegria falaremos sobre uma das técnicas mais eficazes para combater as dores: o pilates.

Ele ajuda a melhorar a flexibilidade, aumenta a força e melhora o equilíbrio. Esses fatores reduzem o risco de lesão, pois se você é capaz de aumentar a flexibilidade do seu corpo, as chances de machucar as costas quando se curvar para pegar algo do chão serão muito menores.

Ele também exercita o core (tronco). É por isso que o Pilates é tão indicado para pessoas com problemas posturais, pois fortalece essa região da coluna e o Core como um todo.

Leia também: Quais exercícios são os mais indicados para quem quer emagrecer- Pilates, musculação ou funcional? 

Além disso, os exercícios são desenvolvidos progressivamente, com baixíssimo impacto e com controle dos movimentos pela respiração. Isso ajuda muito no tratamento de dores e problemas posturais. Inclusive melhora a consciência corporal que auxiliam as pessoas evitar posições que agridam sua saúde postural no trabalho.

Concluindo…

Como você viu, existem vários tipos de dores nas costas (infelizmente), mas também existem inúmeras formas de prevenir e tratar esse desconforto? Por isso não é necessário desespero! Lembre-se de procurar um medico sempre que parecer necessário, e manter uma vida saudável e ativa para evitar o aparecimento de problemas maiores — a prevenção é sua maior aliada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscrito